21 de outubro de 2007

Negra flor



Meu Amor,
Estranha flor
meu ópio
do prazer
com o poder
de fazer sofrer
fazer amar
de me fazer
enamorar
Teu poder,
Negra flor
teus espinhos
cortantes
marcantes
d'almas feridas
tua dor viciante
faz as minhas delícias
malícias
as tuas aveludadas pétalas
fazem-me carícias
deixam marcas
para a vida

22 comentários:

Joaquim Amândio Santos disse...

um vício
orando fervoroso
em prol do nosso sonho libertador!

Papoila disse...

Agradeço as visitas ao campo.
Aqui escreve-se boa poesia.
Beijo

Daniel Aladiah disse...

Também gosto de versos curtos...
Daniel

Bichinho disse...

...vicio-me em teu cheiro minha flor, num ópio eterno...os espinhos são as marcas das malicias num vida de delicias !

Bichinho disse...

Tambem acho que temos uma forma de escrever muto parecida...

Beijo fantasma.

Silvia Madureira disse...

Para uma mulher é fascinante saber que tem este poder de fazer com que os homens "caiam a seus pés"...sente-se o ego mais alto saber a importância que temos para alguém...é preciso é que seja recíproco...

beijo

Metamorfose disse...

7 Dias

7 Imagens

7 Palavras

7 Emoções

7 Sentires

7 Paixões

7 Contradições

Espero-te em metamorfoses 7

Um beijo de sentir em 7

serenidade disse...

Uma negra flor, de pétlas aveludadas que pretendem apenas sermuito amadas e a ti dar sua doçura e sua ternura:)

Muito bonito este amor em pétalas de uma flor transmutadas.

Serenos sorrisos

Sol da meia noite disse...

Pois no amor, há contradições que se completam... e geram dor...

Beijo!

SAM disse...

Em cada verso descreves maravilhosamente a "flor do amor". E tantos dizem da formosura da flor que se esquecem que também tem espinhos... a primeira impressão é o encantamento da flor, mas a que permanece são justamente as marcas que nos deixam: tanto o gozo das " aveludadas carícias e delícias" como a dor do espinho que nos marcam a alma.

Maravilha de poema!

Beijos

Diva disse...

Negra flor (rosa) para mim tem um nome KARMA. Tudo que a vida traz... leva. As marcas? essas sao deliciosas lembrancas (negras ou coloridas)
Bjs meus

Secreta disse...

Marcas que nada nem ninguém podem apagar.
Beijito.

luar perdido disse...

negra flor (principe negro?) é das rosas que mais gosto.
As pétalas da tua negra flor são as delicias do amor, com as contradições e a beleza do sentimento. Estranho ópio de facto o AMOR!
Lindo, lindo, lindo e...Viciante ler-te.
Beijo aveludado

Silvia Madureira disse...

Por favor passa no meu blog para ler o último post que lá coloquei e se poderes ajuda. obrigado. beijo

oceanus disse...

...as tuas palavras são muito bonitas...e sentidas.

obrigada!

bjs do fundo do Oceanus

Blueshell disse...

Marcas que ficam para toda uma vida!!!!

Estou com gripe...cefaleia..., estou toda “partida”.
Agradeço a visita.

Abraço, BShell

Silvia Madureira disse...

desculpa (vê no meu blog)

beijo

Claudia Perotti disse...

Tanto sentir ... faz-nos quase morrer de prazer e amor ... faz-nos chorar de dor.

Beijinhosssss

@zulebranco disse...

Sensiblidade à flor da pele, bonita poesia

impulsos disse...

Uma flor
Que tem o negro
No vestir
Mas também
Traz o brilho
E devolve o sorriso
Com as cores do amor...

Beijo

Papoila disse...

espinhos cravados fundo...lá onde ela consegue chegar...

beijos
BF

Luadosul disse...

Muito bonito!
Beijo