26 de setembro de 2007

Foi fascinação



Foi fascinação
admiração
que me fez perder
o sentido
abrilhantou
o meu desígnio
despertou
o meu íntimo
e elevou-o
ao cimo
do Olimpo
num labirinto
faminto de saber
sedento de poder
onde posso ver
toda a razão
do ser
do querer
onde posso penetrar
no mais varonil
prazer


8 comentários:

serenidade disse...

Uma verdadeira fascinação e cada vez mais admiro tua forma de escrever.

Serenos sorrisos

Papoila disse...

ÉS fascinação....amor és em cada palavra que escreves.

Beijos
BF

Claudia Perotti disse...

Tuas letras são tão intensas!
Gostei!

Beijinhossss

Thiago Forrest Gump disse...

Gosto de poemas assim, diretos!

Sol da meia noite disse...

Fascínio que leva ao prazer!
E a entender tanta coisa...

Beijinhos!

Bichinho disse...

Bonito...adorei!

Beijo fantasma.

rosa dourada/ondina azul disse...

Foi o fascínio ...:)


Beijinho,

Anónimo disse...

eu me vejo em vc...